Massagens Indianas

login
área do
anunciante
anuncie
divulgue
seus serviços!
pt
Idioma Atual
espaço
 
Topo menu
 
 
Cadastre seu e-mail para ficar informado sobre as novidades do Guia de Massagem.
Base menu
 
 
Selo Certificado SSL

espaço

Publicado em 17/09/2018
Compartilhar com o Facebook Compartilhar


Massagens Indianas

 
Hoje em dia, a massagem é considerada como uma terapia conhecida e praticada no mundo todo, mas a população de algumas regiões do planeta foi responsável pelo desenvolvimento das principais técnicas de massagem que são utilizadas até os dias atuais, além de terem servido como referência para terapias modernas. A  Índia é um país com uma cultura bastante antiga e rica. Entre sua culinária, religião, terapias e costumes existem elementos capazes de encantar a qualquer um. 

Boa parte das terapias indianas são relacionadas à medicina ayurvédica. O Ayurveda representa o estudo e desenvolvimento de técnicas terapêuticas utilizadas há mais de 7 mil anos. O termo em si tem origem no sânscrito, dialeto indiano antigo, e representa algo como “conhecimento da vida” ou “ciência da vida”. É muito comum ouvirmos algo como massagem ayurvédica ou massagem ayurveda, esse termo representa as técnicas de massagens indianas de forma um pouco abrangente e genérica, afinal, dentro dessas chamadas massagens ayurvédicas  existem técnicas específicas, com diferentes características e aplicações.


Massagem Abhyanga

 
Imagem 31 de Massagem Abhyanga
A massagem abhyanga é uma das técnicas indianas mais populares e muitas vezes é chamada simplesmente de massagem ayurvédica. A massagem abhyanga promove diversos benefícios desintoxicantes,  alívio na musculatura e no bom funcionamento de funções como a circulação sanguínea e do sistema digestivo. O primeiro passo em uma sessão de massagem abhyanga é uma conversa com o terapeuta, onde ele irá avaliar problemas de saúde e incômodos, além de definir qual seu dosha. Na cultura ayurvédica, o dosha é uma espécie e perfil biológico dos indivíduos. Os doshas são divididos em Pitta, Kapha e Vata, lembrando que apesar de cada pessoa se associar mais à um dosha, ainda poderá ter características dos demais.

Após analisar eventuais problemas de saúde e o principal dosha do paciente, o terapeuta escolhe o óleo mais indicado para a sessão. Uma sessão de abhyanga dura em média 90 minutos, o paciente é deitado sem roupas sobre o tatame e o terapeuta inicia os movimentos em todo o corpo enquanto aplica de massagem, que irá auxiliar no deslizamento, hidratação da pele e relaxamento. Em locais mais tradicionais, principalmente na Índia, é comum que o terapeuta utilize outras técnicas indianas, além da abhyanga, sem contar que o processo todo pode envolver outros elementos, como uma refeição, um banho ou uma sessão de meditação, promovendo uma experiência única de autoconhecimento e bem-estar.
 

Massagem Champi

 
Imagem 32 de Massagem Champi

Outra técnica de massagem bastante antiga e utilizada na Índia é a massagem Champi, esse estilo de massagem tem como principal característica o fato de ser aplicada apenas na região do cabeça. Muitas vezes a massagem champi é aplicada em uma sessão exclusiva, ou em sessões em que o terapeuta utiliza outros estilos, como a massagem abhyanga, criando um mix de terapias. 

A massagem champi auxilia no alívio de dores de cabeça e tensões na região da testa e do pescoço. Outra característica dessa massagem é a praticidade, afinal o paciente não precisa tirar nenhuma peça de roupa e geralmente, recebe a massagem sentado em uma cadeira comum.

Chavutti Thirummal

 
Imagem 33 de Chavutti Thirummal
A massagem Chavutti Thirummal  é visualmente bastante chamativa e característica para quem vê pela primeira vez. Relatos indicam que a técnica surgiu da mistura da massagem com técnicas de dança e artes marciais entre seus praticantes na Índia. Durante a sessão, o receptor da massagem deita-se sobre o tatame então o terapeuta utiliza os pés para realizar a massagem, com o objetivo de melhorar os deslizamento dos movimentos, nessa técnica também são utilizados óleos aromáticos. Para se equilibrar e distribuir bem o peso, o massagista se equilibrada em uma corda que cruza o ambiente de massagem. Os benefícios dessa técnica são similares aos da massagem abhyanga, com a diferença de que nesse caso, o terapeuta geralmente, consegue aplicar maior pressão em alguns locais. 


Garshana

 
Imagem 34 de Garshana

A garshana é uma técnica de massagem indiana, que funciona como um tipo de esfoliação, durante a sessão o terapeuta usa luvas de tecido macio, geralmente seda, e aplica sobre o corpo do receptor, sal e ervas aromáticas. Além de muito relaxante, essa técnica auxilia na remoção de tecidos mortos da pele e promove a circulação sanguínea de forma mais intensa. Em muitos casos a garshana pode ser utilizada como uma primeira etapa que será seguida pelas demais técnicas de massagem indianas.

Shantala

 
Imagem 35 de Shantala
A shantala é uma das técnicas mais conhecidas da cultura indiana, principalmente entre as mamães. Apesar de ser uma técnica tradicionalmente indiana, com mais de 5 mil anos de existência, a shantala se tornou popular em outros países, à partir da década de 70, por conta do médico francês Frederick Leboyer, que em viagem à Índia, descobriu essa técnica e soube que era uma tradição entre as mães da região. Fontes relatam que a mãe que apresentou essa técnica para Frederick se chamava Shantala e por conta disso a técnica recebeu seu nome. 

A shantala pode ser aplicada em bebês com idade à partir de um mês e a recomendação é que a aplicação da massagem seja feita em momentos de conforto para a mãe e o bebê. A massagem pode deixar a criança mais tranquila, além disso, os movimentos na região do peito costumam auxiliar na respiração, sem contar que o momento é uma experiência única de troca de energia e carinho entre mãe e filho.


Além das citadas, diversas terapias como a massagem tântrica e a shirodhara foram desenvolvidas em regiões próximas ao território que conhecemos como Índia, antes mesmo do surgimento dos países como conhecemos. Em muitos casos, essas terapias são associadas e carregam ensinamentos sobre bem-estar natural, preocupação com o próprio corpo e a promoção de experiências enriquecedoras.



Rafael Caetano 
Guia de Massagem















espaço vazio
espaço
 
Site Seguro Guia de Massagem ®