Utilizamos cookies para melhorar sua experiência no site.
Ao continuar navegando, você está ciente e de acordo com nossos Termos e Políticas de Privacidade.
Concordo

autocuidado e prevenção para massagistas

login
área do
anunciante
anuncie
divulgue
seus serviços!
pt
Idioma Atual
espaço
 
Topo menu
 
 
Cadastre seu e-mail para ficar informado sobre as novidades do Guia de Massagem.
Base menu
 
 
Selo Certificado SSL

espaço

Publicado em 01/04/2021
Compartilhar com o Facebook Compartilhar



Autocuidado e Prevenção para Massagistas

 
Frequentemente abordamos o papel dos massoterapeutas na saúde e qualidade de vida de seu público, as massagens são utilizadas como prevenção e tratamentos de dores e doenças variadas. Acontece que em muitos casos, o próprio terapeuta que trabalha visando a saúde de seus clientes, acaba descuidando da própria saúde e desenvolvendo dores e lesões por conta do seu trabalho. Com algumas ações preventivas e atenção aos detalhes, é possível evitar problemas como tendinites, lesões por esforço repetitivo e stress. 

Imagem 172 de Autocuidado e Prevenção para Massagistas
Preparação

Antes de iniciar o dia de trabalho, é importante que o massagista tenha atenção com alguns detalhes que poderão tornar o seu dia mais confortável, utilizar calçados e roupas adequadas podem auxiliar nessa questão, além disso, o alongamento é de extrema importância e mesmo que o maior foco seja no alongamento das mãos e braços, é importante estimular o alongamento e flexibilidade de todo o corpo, para evitar dores em regiões como pernas e costas. 

Postura

É importante também que o profissional tenha atenção com a postura corporal a todo momento, verifique se a altura da maca é proporcional à sua altura. Uma maca de massagem muito baixa exigirá que o terapeuta permaneça com o corpo curvado por muitas horas ao longo do dia, exigindo um esforço evitável de toda a região lombar, o mesmo vale para profissionais que utilizam as cadeiras de quick massage. Sempre que possível, verifique se essas plataformas possuem regulagens ou desenvolva métodos para diminuir o esforço físico, que pode tornar o dia de trabalho mais cansativo e possivelmente doloroso. 

Troca de massagens

Mais do que ninguém, um massoterapeuta conhece os benefícios das massagens relaxantes e terapêuticas para a saúde mental, por isso, sempre que possível, procure também receber sessões de massagem. Isso pode ser feito através da troca entre profissionais, uma excelente oportunidade para receber massagem de forma acessível e ainda poder trocar conhecimento através dos métodos utilizados por outros profissionais.

Acessórios

Imagem 174 de Autocuidado e Prevenção para Massagistas

A massagem é essencialmente uma terapia manual, mas isso não descarta o uso de acessórios que possam complementar a aplicação dos movimentos e facilitar o trabalho do terapeuta, incorporar técnicas que utilizam itens como pantalas, bambus, massageadores com ventosas e demais itens, podem agregar benefícios para a sessão exigindo menos esforço do massagista.





Fortalecimento muscular

O cuidado com a manutenção e fortalecimento do corpo pode evitar uma série de problemas e melhorar o desempenho do profissional. No seu cotidiano, uma massagista profissional pode atender clientes com biotipos variados, e para isso é importante além do conhecimento nas técnicas, um bom preparo físico. Aplicar uma massagem desportiva em um fisiculturista com uma composição muscular densa pode ser um grande desafio para um massagista com pouca força nas mãos e braços. O fortalecimento muscular é importante para a preservação da saúde do profissional e êxito na aplicação do seu trabalho. Para isso o massagista pode buscar por alternativas como a musculação ou atividades variadas como pilates, natação entre outros exercícios físicos que poderão fortalecer não apenas os braços, mas grande parte dos grupos musculares espalhados pelo corpo.

Conclusão

Em todas as profissionais é importante seguir alguns cuidados para preservar a saúde e longevidade do profissional, no caso dos terapeutas que possuem conhecimento específico sobre alguns riscos e formas de evitá-lo pode parecer ainda mais importante, como uma forma de se preservar para continuar exercendo sua profissão e ajudando pessoas. A melhor forma para se manter com um bom terapeuta é a busca por novas informações do ramo e o autocuidado.





Redação: Rafael Caetano 
Guia de Massagem








espaço vazio
espaço
 
Site Seguro Guia de Massagem ®